PENÚLTIMO DIA da nossa jornada pelos 10 SABOTADORES!

 

Já vimos até agora 6 dos 10 sabotadores. Eu te expliquei sobre o crítico, o insistente, o prestativo, hiper-realizador, a vítima e o hiper-racional. Todos esses ou a maioria desses moram na sua razão e, portanto, eles sempre terão razão, ou seja, sempre te convencerão daquilo que “falam” para você, mesmo que seja algo que irá te prejudicar e te impedir de superar suas dificuldades e comportamentos ruins.

 

Esse é o grande PORQUE de eu estar realizando essa jornada. Todos nós nos autos sabotamos em diversos momentos da nossa vida, por isso é de extrema importância que você descubra quais são os SEUS sabotadores e o quão forte eles são, para que você possa reconhece-los, domá-los. Essa foi a grande virada de chave para que eu me conscientizasse sobre as minhas ações e conquistasse tudo o que eu conquistei até hoje.

 

Então hoje nós continuamos a jornada e eu lhe apresento…:

 

  1. O hipervigilante

Esse sabotador faz que o sujeito gaste toda a sua energia em estar atento a o que está acontecendo, com o objetivo de perceber se algo irá ou pode dar errado. Gera ansiedade e um constante estado de alerta, impedindo o indivíduo de relaxar completamente e descansar, grande cada vez mais estresse. A grande mentira é que, a vigilância ininterrupta é a melhor solução para evitar possíveis perigos e problemas.

 

  1. O inquieto

É o sabotador daquele que nunca está satisfeito, portanto está sempre em busca de emoções maiores ou da próxima ação que trará mais do que já se tem. Ao acreditar que se mantendo ocupado, para viver a vida intensamente, o sujeito não consegue focar em um objetivo, distancia as pessoas seu ao redor, as quais não conseguem acompanha-lo e não para viver o que está acontecendo no momento.

 

Conseguiu identificar em você algum desses? Em breve eu volto com os dois últimos sabotadores e a nossa jornada estará completa. Conto com a sua leitura, pois é a partir da sua tomada de consciência que a mudança acontece e você se fortalece para ir além. Até lá.